Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Salvador Correia, Fotografias

Pai, Marido, Fotógrafo

Salvador Correia, Fotografias

Pai, Marido, Fotógrafo

Vou contar-vos uma última vez (diário de viagem)

Desta vez vou mostrar-vos uma série que documenta a minha última viagem a trabalho pela Glintt.

Não pude deixar de documentar esta última viagem (que não fazia faz tempo! e confesso não tinha muitas saudades). As fotografias foram feitas com o telemóvel, a trabalho não tive como levar a camara comigo.

Esta semana vou mudar de emprego. Deixar um emprego de 8 anos onde, graças a estas viagens conheci tanta gente, tantos locais que de outra forma poderiam bem não ter acontecido. Estou agradecido, sabem? No fim do dia só posso tirar coisas positivas desta experiência.

Estas experiências fizeram parte daquilo que sou hoje.

Aeroporto Sá Carneiro, Porto

 

Aeroporto Cristiano Ronaldo, Madeira

Cabo Girão, Madeira



Cabo Girão, Madeira

 

Cabo Girão, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

 

Câmara de Lobos, Madeira

Porque criei uma conta nova quando tinha mais ou menos 1.3k de seguidores na outra? (Instagram)

Porque simplesmente deixou de ser engraçado.

Com certeza que podem pensar que este jogo do Instagram é realmente tudo acerca dos seguidores, dos likes, de ter um número enorme naquele separadorzinho no vosso perfil, mas o que realmente acerta no alvo é: é tudo uma uma gigantesca mentira.

Uma mentira, porque vocês não se vão tornar naquele fotógrafo famoso como pensam que vão, a perder tempo no Instagram, a usar bots, a seguir pessoas só para aumentar o raio do número e a deixar de seguir os que deixam de te seguir a ti. Esqueçam amigos, não vão.

Eu cansei-me de jogar esse jogo, só quero ser feliz com a fotografia, aprender com os melhores, e ajudar qualquer um que me peça ajuda para crescer da mesma maneira que quero crescer com eles.

Por isso, desta vez, eu vou partilhar as fotografias que eu quero partilhar, quando eu quero partilhar, sem o raio das borders brancas (o Instragram não é o vosso portfolio, desculpem dizer-vos isto), há hora que eu quero partilhar, preocupar-me só em partilhar as fotos nas melhores hashtags e voltar a ser feliz a partilhar as minhas fotografias outra vez.

Devemos todos tirar algum tempo para pensar um bocado acerca disto e refletir sobre o "like" que estamos a ter agora no nosso posts.

Acreditem, é provavelmente uma mentira meus amigos.











Estas fotos foram tiradas na festa de Santa Ana em Oliveira São Mateus, Portugal.
Não sei se por causa das minhas raízes ou porque conseguimos encontrar todo o tipo de pessoas e vivências nestes eventos destas pequenas vilas mas adoro documentar estes momentos.

Aqui seguem as últimas fotos da série deste ano.

Fiquem bem, Salvador

 

Why do I created a new account when I had 1.3k something followers on the other one? (Instagram)

Because it just wasn't funny anymore.

For sure you may think that this Instagram game is really just about the followers, the likes, the huge number in the followers tab of your profile, but what really hits the nail in the head is: that’s a freaking lie.

A lie, because you are not going to became the famous photographer you think you are, spending time, botting, following people just for the damn number, and unfollowing those who unfollow you. Forget it my friend, you are not.

And i get tired of playing that game, and i just want to be happy with photography, learn with the best, and help anyone who ask me to grow, the same way i want to grow with them.

So, this time, i will share the pictures i want to share, when i want to share and without the freaking white board shenanigans (your instagram profile are not your portfolio, sorry to say this), at the time i want to share, i only be worried to be showcased in the best tags, and be happy with sharing my pictures again.

We should all take the time to think about this and reflect about the “like” you are getting right now. It’s probably, a lie my friends.











This photos where taken during the St. Ana fair in Oliveira São Mateus, Portugal.
Maybe because of my roots, or  because you can find all kind of people in this small villages and fairs, i know i love to document this events.

I will repeat this post in portugue with the rest of the series.

Best, Salvador

A Comissão, um espetáculo da Confederação

A Confederação

A Confederação é um coletivo de investigação teatral fundado no Porto (Portugal) a 10 de Julho de 2010. No seu campo de ação distinguem-se quatro áreas: Criação, Investigação, Formação e Programação.

Os espetáculos de proximidade, com uma dramaturgia própria, em torno das formas populares de Teatro, habitam o centro nevrálgico da sua criação e pensamento teatrais.

É na sequência destes trabalhos de criação que urgem os projetos de investigação, que para além da incidência nas formas populares de Teatro, apresentam uma forte ligação entre o Teatro e as Imagens em Movimento.

Ainda integrada nesta área de Investigação, a Confederação criou em 2013 a coleção “Cadernos Hestóricos”, na qual organiza, edita e devolve ao mundo em forma livresca parte dos seus objetos de investigação.
ler mais +

A Comissão

Sinopse

Depois de várias audições, chegamos ao café da colectividade onde temos um caso para pôr termo. Um caso em que os factos têm uma importância inferior à nossa ginástica argumentativa.
Por agora, precisamos de terminar os trabalhos de um processo longo e difícil... Da deliberação tomada, o Tribunal não aceitará qualquer recurso e a sentença será executada automaticamente.

Temos por certo que uma bala pesa mais na existência humana do que um discurso com cem mil palavras. Mas tanto o discurso como a bala deverão existir em unanimidade.

“A Comissão” é a terceira produção da Officina de Teatro Popular da Confederação. Com ensaios bi-semanais, demos início a esta caminhada em Janeiro de 2017, com estreia marcada para 16 de Junho 2017.